Saturday, October 11, 2014

Pensamentos

  A história deste blogue nestes últimos 3 anos tem sido bastante rica. Em primeira instância porque escrever é um hábito meu e partilhar ideias esta enraizado na minha personalidade.  Olhando aos primeiros posts, e observando, a evolução é clara tal como a mudança que vou sofrendo periodicamente, primeiro na frequência com que escrevo, segundo, as temáticas. As minhas ideais vão se alterando e os próprios valores acompanham essa "tendência".
  Não é por falta de personalidade que as coisas vão mudando. Se for a analisar bem, a pedra basilar permanece, no entanto a maturidade trás sensatez e ensina-nos a viver de forma mais pacifica com o mundo. Se comecei por escrever de forma errada mostrando arrogância e muitas vezes pensamentos errados, é preciso reconhecer o turbilhão que a cabeça de um miúdo de 17 anos vive e as ideias sucedem-se, desorganizadas e densas. Não é com orgulho que revejo algumas afirmações. No entanto a admiração por aquele  "eu" subsiste, porque não é com passividade que se alcança a maturidade e até esta tem que ter a sua própria infância.

  Hoje em dia a minha atividade neste blogue tem vindo a diminuir. Talvez porque seja uma ideia passada,  mas em certas alturas sinto a necessidade de partilhar o chorrilho de ideias que me ocorre e acaba por ser aliviante perder 20 minutos nisto.
  Algo que tem vindo a ocorrer me é acerca da minha vida desportiva. Por mais quanto tempo? Quanto mais é que vou dedicar a isto? creio que mais tarde ou mais cedo vou ter de deixar esse "eu" competitivo,  seja por uma lesão grave ou seja por me aperceber que há coisas mais importantes na vida e que a auto centralização não faz mais sentido.  Por enquanto viver um dia de cada vez parece ser uma ideia acertada e enquanto conseguir enjaular a minha impulsividade as coisas correrão bem.

 Esta súbita reflexão e escrita não veio por acaso. Ultimamente têm se realizado algumas provas importantes e eu imagino que se as coisas tivessem sido diferentes podia ser eu a estar nesse meio. O "se" nunca fez muito parte de mim, se as coisas acontecem é porque o encadeamento de eventos nos levou aí,  não vale a pena afirmar o contrário,  mas o imaginar existe e não posso deixar de me recordar que um dia já acreditei e já quis mais.

Sunday, October 5, 2014

3000m PB.

 Yeah, it is october and i'm running PB's already ahah! It is true, i ran 8:42 for 3000m 2 days ago, a big "improvement" on my old pb, that was "just" 9:14 (Even thought i already ran 15:22 for 5000). But that does mean anything in concrete? Let me put things in perspective: I'm with less than 2 months of training, i ran that time after a tough week of training and after all i didn't pushed that hard, i just followed the other runners.
  The time was a nice surprise of course but i'm just using the benefits of a nice volume training. Anyway, this was a big crossing over  an old barrier: 9 minutes in the 3k. It is incredible how long it took me, but at least when i did it, it was by almost 20 seconds!
  The splits were very even, 2:55 for the 1st km, 2:57 for the 2nd and a little under 2:50 for the last. This is maybe a good percursor for the rest of the season, or at least i hope so.